Da limpeza à temperatura no fogão: como usar corretamente a panela antiaderente

Há regras simples mas fundamentais para não arranhar o teflon e preservar a sua saúde

Da limpeza à temperatura no fogão: como usar corretamente a panela antiaderente

Tudo começou quando eu estava tentando ter uma boa ideia de presente para meu filho mais velho na celebração de Hanukkah . Tendo esgotado todas as possibilidades com temas esportivos, eu decidi comprar uma chapa para ele, já que ele se tornou um verdadeiro chefe de panquecas.

Meu filho recebeu o presente com mais entusiasmo do que eu esperava. Alguns dias depois, percebi que o utensílio seria perfeito para fazer bolinhos de batata durante as férias. Normalmente eu uso duas frigideiras, mas já que temos essa nova chapa antiaderente, por que não facilitar as coisas?

Perguntei a Ben se eu poderia pegar emprestado e ele gentilmente concordou. Fritei 89 panquecas de batata para uma reunião. Os convidados estavam felizes, mas a chapa estava totalmente queimada.

Eu molhei ela e esfreguei com escovinhas de plástico, como sugerido. Mas, ainda assim, não parecia estar fazendo efeito. Antes de falar para Ben que eu havia destruído seu presente, pesquisei por “limpar chapas antiaderentes” na Internet.

Encontrei muitos conselhos sobre limpeza, mas também sobre como usar corretamente esse tipo de panela. E, para minha surpresa, tenho usado panelas antiaderentes de maneira errada nas últimas três décadas – na verdade, desde que comecei a cozinhar.

Então, como presente, vou compartilhar com você o que aprendi na esperança de salvá-lo dos mesmos erros que eu estava cometendo. E como um bônus, vou colocar algumas outras dicas de limpeza também.

Vamos começar com panelas antiaderentes. Teflon é o produto patenteado feito pela DuPont, mas a maioria das pessoas usa o termo genericamente para se referir a panelas antiaderentes.

Aqui, não vou me aprofundar tanto nos problemas de saúde. Escrevi uma coluna sobre essas preocupações cerca de quatro anos atrás, avaliando os riscos à saúde do uso indevido de panelas com revestimento antiaderente. Eu não apontei para nenhum dos lados, mas a realidade, de acordo com a revista Consumer Reports, é que as panelas antiaderentes respondem por cerca de 70% de todas essas vendas nos Estados Unidos.

Então, milhões de nós estão cozinhando com panelas e frigideiras antiaderentes. Mas da forma errada.

— Muita gente compra panelas e não lê as instruções — disse Reed Winter, diretor de pesquisa e desenvolvimento da Nordic Ware, fabricante de utensílios domésticos e fabricante da chapa que comprei para meu filho.

Confessei imediatamente ao diretor da pesquisa que no meu caso, isso era verdade. Eu mal leio o manual quando compro um carro novo. Eu realmente vou me preocupar com as instruções para uma panela?

Então é isso que eu deveria saber. Eu deveria ter “pré-temperado” a panela enxaguando e secando e esfregando com uma toalha de papel com um pouco de óleo. Praticamente qualquer tipo de óleo serve.

Apesar do nome antiaderente, a maioria das panelas precisa de algum tipo de lubrificante. É uma boa ideia esfregar cerca de uma colher de chá de óleo ou manteiga em uma panela fria toda vez que você usá-la, disse Winter.

Apenas não despeje óleo ou manteiga na panela e depois jogue-a o alimento ao redor, como eu faço.

— Então o óleo não está aderindo à panela, mas sendo absorvido pela comida — disse ele. Não só você terá panquecas encharcadas de manteiga, mas depois de um tempo elas começarão a grudar porque não há gordura.

Mas e o Spray de cozinha PAM e outros com a mesma função para limpeza de utensílios? Costumo colocar alguns esguichos nas minhas frigideiras antiaderentes.

Me informaram de que isso também não é uma grande ideia. Depois de um tempo, o acúmulo nas áreas onde o calor não queima o spray – como nas laterais de uma frigideira – torna-se pegajoso e pastoso. Achei que isso fosse o melhor para minhas panelas, mas não sabia por quê.

Winter disse que é a lecitina de soja no spray que causa essa viscosidade. Em vez disso, ele recomenda apenas usar óleo ou um spray chamado Baker’s Joy, que também contém farinha.

Para a devida confirmação, entrei em contato com a DuPont, fabricante do Teflon, e uma porta-voz disse em um e-mail que “é aceitável” usar sprays de cozinha antiaderentes, embora “não seja necessário”. E um porta-voz da ConAgra Foods, empresa que fabrica o PAM, disse: “Você deve verificar com o fabricante das panelas” para ver se é seguro usar com o PAM.

Outra coisa que eu não deveria ter feito é colocar a chapa em fogo alto. Altas temperaturas fazem com que o revestimento rache e nem mesmo cozinhe a comida. A comida tende a ser parcialmente queimada e parcialmente pastosa, disse ele.

— Usar um calor mais baixo significa que tudo ficará perfeito — disse ele.

Além disso, não use objetos metálicos ou pontiagudos para mexer ou virar os alimentos, pois isso pode perfurar o revestimento.

Agora, no que diz respeito à limpeza, esfregue com uma esponja de plástico — nunca lã de aço. Em seguida, encharquei com bicarbonato de sódio e água quente. Depois usei vinagre e água. Fica melhor, mas não é perfeito.

Embora eu não costumo colocar minhas panelas na máquina de lavar louça, eu fiz como um último esforço na tentativa de limpá-las – outra má ideia. A maioria dos especialistas com quem conversei disse para lavar as panelas antiaderentes à mão, porque o calor alto e os detergentes fortes podem destruir os revestimentos.

No final, a chapa parece, digamos, bem usada. Mostrei ao meu filho e pedi desculpas. Ele aceitou com boa vontade.

Mais algumas dicas. Armazene suas panelas e frigideiras adequadamente, disse Mariette Mifflin, que escreve sobre utensílios domésticos e eletrodomésticos para o site About.com, que é propriedade do The New York Times.

Se você as colocar uma em cima da outra, eles podem arranhar. Colocar um guardanapo entre os panelas evita esse atrito.

E perceba que você provavelmente terá que substituir panelas antiaderentes com mais frequência do que outros tipos. Uma vez que a panela descasca, você quer se livrar dela.

Muito depende de quantas vezes e quão bem você as usa e limpa, mas Mifflin disse que mesmo com seu cuidado vigilante, suas panelas antiaderentes raramente duram mais de cinco anos.

Mais algumas dicas sobre sobre limpeza:

Existe alguma desvantagem em usar o modo de autolimpeza em seu forno? Uma vez que aquece os fornos a mais de 1.000 graus, isso desgasta o aparelho?

Usar a opção de autolimpeza é uma boa opção, e é aconselhável fazê-lo pelo menos duas vezes por ano, disse Doug Burnett, gerente de pesquisa e desenvolvimento de produtos de cozinha integrados da Electrolux. Caso contrário, o acúmulo excessivo, quando incinerado, se transformará em fumaça que sairá do forno.

Se você vai limpá-lo com uma frequência, digamos, mensal, seria melhor usar uma opção de sujeira leve em seu forno, se houver, acrescentou.

Nunca use produtos de limpeza químicos em um forno autolimpante. Basta um pouco de sabão e água quente se você precisar dar uma olhada rápida, disse Chris Hall, presidente da RepairClinic.com, um site que vende peças de eletrodomésticos e dá conselhos sobre reparos.

E ele compartilhou comigo seu próprio erro recente – limpar o tampo de vidro liso de seu fogão elétrico com o lado verde de uma esponja.

— Eu arranhei e me sinto muito mal — disse. Ele agora sabe que algumas esponjas são seguras para o vidro, mas precisam ser rotuladas como tal.

Bem, isso me fez sentir um pouco melhor sobre minha experiência com a grelha. No entanto, acho que devo mais uma ao meu filho. Vou mostrar a ele como usá-la corretamente e ensinar outra lição de vida também – se você der um presente, pedir emprestado e depois destruí-lo, você terá que dar um novo.

Fonte: O Globo

Publicado na categoria: Dicas Úteis

Os comentários estão encerrados.