8 dicas para não errar na limpeza de portas e janelas

Na hora de limpar portas e janelas é importante usar os produtos corretos para não diminuir o tempo de vida útil dos itens

O ideal é limpar portas e janelas quinzenalmente (Foto: Pixabay / Khaligo / CreativeCommons)

Limpar corretamente portas e janelas, além de tornar o ambiente mais agradável, influencia no tempo de vida útil dos itens. Dessa forma, é importante usar os produtos corretos, conforme o material de tais elementos, e respeitar as dicas de manutenção do fabricante. Abaixo, algumas dicas para não errar na hora de limpar portas e janelas.

1. O primeiro passo na hora e limpar portas e janelas é separar os produtos, conforme o material desses itens. Isso porque o produto errado pode acabar em dor de cabeça. “É extremamente importante avaliar a compatibilidade da superfície com o produto a ser utilizado. O uso do produto correto evita desgaste da pintura, oxidação, escurecimento do alumínio ou da madeira”, explica Kender Lima, gerente técnico da Rede Unishop, empresa especializada em soluções de limpeza e higienização.

2. Se a porta ou a janela for de madeira, o ideal, segundo Kender, é realizar a limpeza com um produto específico para este tipo de superfície, que deve ser passado com um pano úmido e depois ter o excesso retirado com outro tecido.

3. No caso de portas e janelas de aço e de alumínio, a limpeza deve ser feita com água, sabão neutro, esponja ou pano macio. “Depois, é necessário secar o produto com pano limpo, seco e macio para evitar manchas na superfície”, sugere Leonardo Sasazaki, diretor da Sasazaki, empresa fabricante de esquadrias.

4. Portas e janelas de vidro também merecem atenção especial. O uso de produtos específicos e materiais macios é essencial para garantir que a superfície não fique manchada ou sofra qualquer avaria.

5. A limpeza dos trilhos superior e inferior deve ser realizada com frequência, pois o hábito evita o acúmulo de poeira, que dificulta a manutenção e até a abertura da porta ou da janela.

6. Ao limpar os cantos, opte pelo uso de um pincel de cerdas macias e evite ferramentas que possam danificar a esquadria ou a madeira.

7. No caso das superfícies de metal, Leonardo indica aplicar anualmente um lubrificante nos rodízios. “Isso evita o ranger do metal e faz com que o deslize fique mais macio, considerando que a poluição gera poeira em excesso”, explica o especialista.

8. Por fim, Kender aconselha limpar as janelas a cada 15 dias e fazer uma limpeza mais profunda de duas a três vezes por ano. “Vale ressaltar que, para uma maior durabilidade de portas e janelas, o mais indicado sempre é utilizar produtos com característica neutra e usar panos e esponjas macias. Além disso, se possível, sempre secar a superfície com pano limpo e macio para que não fique manchas na superfície.”

Fonte: Casa & Jardim

Publicado na categoria: Dicas Úteis

Os comentários estão encerrados.